Treino De Pernas | Como Fazer Ativação Muscular Eficaz No Treino De Pernas

Treino De Pernas

Sabemos que o treino de pernas é sempre mais desejado pelas mulheres, pois a partir do momento em que se começa a treinar, surge a vontade de ter pernas grossas e definidas. Os homens focam mais na parte do abdômen para cima, braços, etc. Mas é importantíssimo o treino de pernas para todas as pessoas que treinam, não só pelo impacto das pernas no seu visual, como pela importância de trabalhar esse músculo para sua performance e sua saúde. Treinar pernas é tão importante como qualquer outro músculo, afinal, são elas que nos transportam e suportam nosso corpo. Se o objetivo for construir um físico harmonioso, então o corpo inteiro precisa ser treinado (ps: as pernas fazem parte do seu corpo).

Por isso, é um grande erro fugir do treino de pernas. As pernas são responsáveis por transportar todo o nosso peso. Se não fortalecê-las, além de ficar com um corpo desproporcional, você pode prejudicar sua mobilidade, sua postura e até ter dores na coluna. Trabalhar a região ainda auxilia a queimar gordura e até a ganhar músculos no corpo todo.

As pernas são músculos extremamente árduos de serem trabalhados, pequenos ajustes e detalhes nas movimentações, posicionamentos e utilização de equipamentos, pode ser de grande valia para atingir adequadamente esses objetivos. Saber fazer um treino de pernas para hipertrofia, é essencial para desenvolver os membros inferiores adequadamente e trazer harmonia para o físico. 

Alguns dos motivos para treinar esse grupo muscular é: é a base do seu corpo, o que te mantém em pé, realiza os deslocamentos, então precisa estar fortalecido, precisa estar realmente forte; O trabalho de força que é exigido durante o treino de pernas desenvolve a parte hormonal do seu organismo ; E o fator principal pelo qual muitas pessoas que me procuram é a estética. “Coxa grande”, “bumbum durinho”, entre outros comentários.

Treino De Pernas

As técnicas de Ativação Muscular é um novo e revolucionário sistema desenhado para avaliar, identificar e tratar desequilíbrios musculares que geralmente são causadores de inúmeras patologias. É um processo único no tratamento da dor e disfunção, perda de mobilidade, reabilitação funcional, lesões no atleta e sua prevenção, etc.

As técnicas de Ativação Muscular é um método profissional e eficaz de encontrar desequilíbrios musculares no corpo humano. Para quem sofre com os músculos das pernas, por exemplo, as técnicas de Ativação Muscular irão planejar uma serie de atividades objetivas para fortalecer a musculatura das pernas, melhorar flexibilidade e consequentemente qualidade de vida.

Os exercícios são de baixa intensidade e proporcionam uma evolução gradual do seu estágio de debilidade. Isso faz com que seja possível encaixar o tratamento a qualquer hora do dia, modificando o pensamento sobre o seu próprio corpo, como protege-lo e fortalece-lo de forma eficiente.

Melhores Exercícios Para As Pernas

1 – Agachamento

Um agachamento bem feito é capaz de fazer ainda mais do que trincar quadríceps, isquiotibiais, panturrilha e glúteos como nenhum outro. Se executado corretamente, pode ajudar a desenvolver a musculatura do abdômen, melhorar a mobilidade e fortalecer a articulação dos joelhos, entre vários outros benefícios.

2 – Levantamento Terra 

Se você masterizar a execução desse movimento – que não é das tarefas mais simples, especialmente com cargas elevadas – você vai sentir a diferença absurda nos quadríceps, isquiotibiais e nos glúteos. Mas, além de trabalhar pesado os músculos das pernas, o terra ainda ajuda a fortalecer o core, que é essencial para manter a estabilidade durante o exercício.

E ainda tem muito mais – porque é um exercício realmente completo: fortalece a pegada e os antebraços, exigem da lombar, dos ombros e do trapézio.

3 – Afundo

Quando bem executado, o afundo ativa os músculos da região do quadríceps, dos isquiotibiais e também dos glúteos. Mesmo com ativação menor, a perna posicionada à frente também trabalha pesado: a ativação foi de 50% para o vasto lateral, 54% para o vasto medial e 48% para o reto femoral.

Dicas Para Seu Treino De Pernas

Algumas dicas para quando for fazer treino de perna:

  • Aqueça bem todas as articulações – no agachamento, por exemplo, muitas articulações são envolvidas, como tornozelo, joelho, quadril e coluna;
  • Posicionamento – por ter muitas articulações envolvidas é importante prestar atenção no posicionamento que vai do pé até o quadril e durante a execução procure se olhar no espelho para manter a postura adequada;
  • Amplitude – apesar de amplitude aumentar o recrutamento de fibras e ser mais eficiente, deve se tomar alguns cuidados, pessoas com restrições, iniciante e com pouco alongamento deve evitar ou ir gradualmente praticando esse exercício, para não provocar ou piorar lesões.
  • Sequência de exercícios – há várias formas de periodizar um treino de perna, é importante que se mantenha a sequência montada por seu professor. Como vimos os músculos da perna são capazes de fazer vários movimentos, para que se tenha um melhor rendimento o treino deve conter essa lógica para um exercício não afetar o outro.

Além disso, trabalhe de forma mais eficiente todas as regiões da perna. Realize movimentos com amplitude máxima; Realize os movimentos com as penas mais juntas; Realize a cadeira extensora fazendo o máximo de flexão dos joelhos na fase excêntrica do movimento.

Depois de todas as dicas, e de você saber o que é e como funciona as Técnicas de Ativação Muscular nos seus treinos, principalmente para quem busca a hipertrofia, comece a praticar e verás total diferença no seu resultado. Aprenda como aplicar a mais avançada e efetiva Técnica de Ativação Muscular nos seus treinamentos. Deste jeito conseguirá trabalhar seu músculo de forma mais eficaz. E quando começar a realizar as técnicas, vai facilitar o seu treino e agilizar a evolução dos seus músculos.

 

Treino De Pernas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This