TREINOS

7 Dicas De Como Ganhar Massa Muscular E Perder Gordura No Bulking

7 Dicas De Como Ganhar Massa Muscular E Perder Gordura No Bulking

Já ouviu falar em bulk? Ou bulking? Esses termos têm sido usados com frequência por quem é apaixonado por fisiculturismo. E perder gordura no Bulking?

Quem quer ficar grande e ter um físico insano, deve passar por fases. A primeira do ganho de massa muscular e a segunda a queima de gordura para que os músculos fiquem em evidência.

Ou seja, bulking é crescer, e cut é trincar, ou queimar calorias. Só que para ter o efeito esperado na primeira etapa, é preciso ficar existem alguns detalhes. Não é somente treinar e se manter de proteína. Para saber como ter um bom resultado, continue lendo o post e saiba tudo o que precisa! Boa leitura.

Conheça 7 Dicas De Como Ganhar Massa Muscular E Perder Gordura No Bulking

Muitas pessoas ainda têm uma visão errada do que é o bulking e como ele funciona. Para que você faça o procedimento correto e tenha resultados positivos, separamos sete dicas infalíveis para te ajudar. Veja:

1 – Aumento da ingestão calórica

Parece meio contraditório, não é mesmo? Mas é isso! Para ganhar massa muscular, é preciso ingerir mais calorias. Comer pouca proteína diária é algo que não vai beneficiar o seu resultado.

Existem formas de descobrir a sua necessidade calórica diária. São elas:

  • Se você já segue uma dieta balanceada, basta somente adicionar 500 calorias;
  • Faça a conta: multiplique o seu peso por 35 e o resultado será o número de calorias diárias que você precisa ingerir para ter um bulking legal;
  • Faça mais um cálculo, o da sua taxa metabólica basal: multiplique o fator de atividade física e adicione mais 500.

Vale lembrar que essas contas são genéricas, somente para você ter uma base do quanto de caloria necessita ingerir diariamente para ter um bom resultado de bulking. O ideal é consultar um nutricionista e saber o valor certo que o seu corpo necessita.

Ressaltamos também que as calorias ingeridas devem vir de fontes nutritivas e não hambúrgueres, cachorros-quentes e outras comidas que não são saudáveis.

2 – Treino de força e hipertrofia

Nessa modalidade é interessante treinar todas as partes do corpo. No entanto, é imprescindível dar mais ênfase a parte da força.

No bulking, é preciso realizar repetições, pois dessa forma você irá exigir mais do seu sistema nervoso central. Isso gera mais ganhos endócrinos, o que equivale a mais testosterona e GH.

O ideal é:

  • 4 a 6 repetições máximas e com descansos entre 2 a 3 minutos para força pura;
  • 8 a 12 repetições com descansos curtos entre 40 e 120 segundos, isso para hipertrofia.

3 – Comidas erradas só farão você engordar

O chamado bulking sujo é você comer errado e tomar “remedinhos” para te ajudar a ganhar massa e perder peso. Lotar o seu estômago com a famosas “porcarias”, ou seja, comidas erradas, vai fazer você ganhar gorduras difíceis de serem queimadas.

No final das contas, o resultado serão gorduras localizadas, frustração e, quem sabe, um corpo deprimido e sedentário. Fique atento a isso, viu?

4 – Noites bem dormidas e pausas para descanso

O treino acarreta em pequenas lesões nas fibras musculares e, por isso, é tão importante ter pausas para descanso e uma boa noite de sono. Somente com isso é possível se recuperar desses danos.

5 – Seja paciente

Quando se trata de resultados físicos, a tendência é que a gente queira que o corpo fique lindo da noite para o dia, né? Mas isso é pura fantasia! Não existe treino que não passe pelo teste da paciência.

No bulking é a mesma coisa! É necessário ser paciente para conseguir bons resultados. O processo pode ser lento, mas fazer da forma natural é, com certeza, o jeito mais saudável!

Foque em seus objetivos e trabalhe para conseguir queimar as calorias e ganhar massa muscular de forma correta.

6 – Suplementos alimentares

Não é necessário se encher de suplementos para realizar o bulking. Porque é possível atingir suas metas sem eles!

No entanto, se você quer resultados mais rápidos, pode usar alguns suplementos alimentares como, por exemplo, o Whey Protein. Ele te ajuda a ganhar o número de proteínas diárias que o seu corpo precisa.

Converse com um nutricionista e saiba quais os suplementes corretos que você deve ingerir. Dessa forma, você praticará o bulking da maneira certa.

7 – Faça o teste do seu treino

Se você está fazendo o mesmo treino diariamente, mas os resultados não aparecem, é hora de testar o seu treino! Como assim?

Veja se ele é o eficiente para você usando outros tipos de treino. Caso as outras formas derem resultado, descarte o primeiro treino e invista em outras modalidades.

Com essas dicas, você pode começar a praticar, de forma correta, o bulking.

Alimentos Para Praticar Bulking

Com o objetivo de ganhar massa muscular, algumas pessoas ficam na dúvida do que ingerir para que isso aconteça. Com o treino bulking, é possível ter uma alimentação mais ampla, mas ela deve ser correta.

Para você não ter dúvidas sobre o que ingerir na hora de ganhar massa muscular, listamos alguns alimentos benéficos ao seu treino:

  • Frango;
  • Peru;
  • Salmão;
  • Ovo;
  • Arroz com feijão;
  • Batata doce;
  • Banana
  • Macarrão;
  • Aveia;
  • Água, muita água.

Existem, claro, outros alimentos que podem ser consumidos. Frutas, legumes e verduras são sempre bom para uma dieta rica e equilibrada. Além disso, é importante ressaltar a hidratação!

Não vale a pena somente comer corretamente, é preciso se hidratar também! Tome, pelo menos, três litros de água por dia!

Mantendo o seu foco, sem se desviar nas tentações gastronômicas que a vida colocar em seu caminho, é possível ter ótimos resultados em seu treino bulking.

Lembramos que o bulking é um treino e, por isso, necessita de dedicação diária! Nada de fazer atividade somente duas vezes por semana. Resultados concretos necessitam de foco e determinação!

Foco, força e fé, que bulking dará o resultado que você espera! Um treino saudável e cheio de benefícios ao seu corpo. Sua saúde agradece!

Gostou das nossas dicas?

Deixe o seu comentário!

 

 

 

 

suplementos de academia

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *