Este site usa cookies e tecnologias afins que nos ajudam a oferecer uma melhor experiência. Ao clicar no botão "Aceitar" ou continuar sua navegação você concorda com o uso de cookies.

Aceitar

ALIMENTAÇÃO

Glutamina – Veja Seus O Que É, Seus Benefícios E Como Tomar

Glutamina – Veja Seus O Que É, Seus Benefícios E Como Tomar

Você já ouviu falar na glutamina como um suplemento benéfico para o ganho de massa muscular?

É um suplemento muito conhecido no mundo da musculação, prometendo trazer benefícios ao seu treino, músculo e corpo em geral.

Mas, que tal saber exatamente o que é e para que serve antes de começar a tomar esse suplemento?

Afinal, não devemos ingerir algo sem entender antes por que estamos fazendo isso e se realmente é recomendado para nós.

Então, continue lendo esse artigo para saber tudo sobre esse suplemento, o que é e como tomar.  

 

O que é e para que serve a glutamina?

glutaminaA glutamina é um suplemente muito procurado pelos adeptos do exercício físico, principalmente por aqueles que tem como objetivo ganhar massa muscular.

Mas, muita gente acaba consumindo sem nem saber o que é, ou então, estão em dúvida se devem utilizar ou não.

Por isso, é importante esclarecer, antes de qualquer coisa, o que é a glutamina. Resumindo, se trata de um aminoácido não essencial.

O que isso significa? São aminoácidos que podem ser sintetizados pelo nosso corpo. Ou seja, não precisamos, teoricamente, consumi-los, pois já o produzimos e pode ser encontrado de forma abundante no nosso organismo.

Esse aminoácido pode ser encontrado livremente nos nossos tecidos musculares. Então, porque ele é procurado por quem deseja ganhar massa muscular?

Pois, a glutamina auxilia em diversos processos metabólicos que ocorrem em nosso corpo, como por exemplo na síntese proteica, que é essencial para o ganho muscular.

Mas, se temos esse aminoácido abundantemente no nosso organismo, porque algumas pessoas decidem consumir além do que produzimos?

Porque quando estamos em dietas muito restritas, ou quando realizamos treinos musculares de alta intensidade, o nosso corpo entra em hipercatabolismo.

Isso faz com que haja uma alta demanda de síntese proteica e o que o nosso corpo faz, naturalmente, não é suficiente.

Há uma falta desse aminoácido, que pode trazer algumas consequências negativas, como enfraquecimento da imunidade.

Por isso, essa suplementação é muito utilizada por quem treina intensamente, promovendo uma melhora no metabolismo.

Além disso, é utilizado por pessoas que passam por algum tipo de estresse, além do treino intenso, como por exemplo:

  • Cirurgias;
  • Problemas psicológicos como ansiedade;
  • Queimaduras;
  • Algum tipo de traumatismo.

Pois, além de melhorar o metabolismo, atua na recuperação do sistema imunológico. Ainda, envia energia para o seu cérebro, atuando positivamente no seu humor.

 

Quais são os benefícios da glutamina?

glutamina

Então, o que acontece com a glutamina quando a ingerimos que a faz ser tão benéfica? A maior parte do aminoácido vai para o nosso intestino delgado.

Dessa maneira, acaba atuando em uma parte do nosso corpo que naturalmente não atuaria, sendo benéfica para a nossa saúde intestinal.

Assim, o nosso corpo a utilizará como fonte de energia, ao invés de utilizar a glicose. Sendo usado como combustível para diversos processos anabólicos que acontecem no nosso organismo.

Por isso, acaba atuando combatendo o catabolismo, que ocorre nos treinos intensos e acaba sendo prejudicial ao ganho de massa muscular.

Além disso, traz outros benefícios para o nosso organismo, como:

  • Absorve mais nutrientes;
  • Gera energia para o nosso sistema imunológico;
  • Previne problemas intestinais;
  • E fortalece o nosso organismo.

Portanto, é utilizado por muitas pessoas que desejam fortalecer o corpo contra diversos tipos de doenças ou infecções.

Como foi falado anteriormente, é também muito utilizado quando realizamos cirurgia, na recuperação do nosso corpo.

Pois, é capaz de ajudar a recuperação do nosso corpo. Outro benefício que é requisitado pelos amantes da academia, pois ajuda a recuperar as lesões musculares também.

Portanto, se você realiza treinos intensos, esse aminoácido pode trazer muitos benefícios, como:

  • Recuperação do músculo;
  • Aceleramento do ganho de massa muscular;
  • Redução no risco de lesão;
  • E promove a queima de gordura.

Assim, além de tudo isso, quando você está tomando esse aminoácido, acaba sentindo menos dores musculares após o treino, enquanto ainda ajuda no ganho de massa muscular.

Como tomar a glutamina?

Então, como você pode tomar esse aminoácido, de maneira correta e consciente, de maneira a não causar nenhum problema no seu organismo?

A quantidade ideal não existe. Esse valor depende muito do seu organismo. Por isso, o recomendado é que você procure um profissional da nutrição antes de começar a suplementação desse produto.

Pois, esse profissional poderá avaliar se você precisa realmente desse aminoácido. E se precisa, qual é a quantidade ideal para você.

Afinal, se o seu corpo já produz o suficiente para a sua rotina, você não deve tomar o suplemento, não existe motivo.

Você deve levar em consideração na hora dessa decisão como é a sua rotina, com os treinos e alimentação, e qual é a sua composição corporal.

Mas, para ter uma noção geral, o recomendado é o consumo de 0,1 a 0,3 gramas do suplemento para cada peso livre de gordura que tiver em seu corpo.

Com isso, apesar de não haver contraindicação, o recomendado é que esse valor seja entre 20 e 100 mg de aminoácido por dia.

Para tomar, o recomendado é que seja junto que alguma outra fonte de proteína. Por isso, muitas pessoas adicionam a glutamina na suplementação de proteína, com Whey Protein.

Pois, é a maneira que ela consegue desempenhar melhor todo o seu potencial e gerar os melhores resultados.

Assim, você obtém um resultado melhor. Mas, quando ingerir o suplemento? Não se tem uma resposta para isso, se é antes ou depois do seu treino.

Você deverá sentir o que é melhor para você. Além disso, quanto tempo que você deve consumir o suplemento depende da sua necessidade e do seu objetivo na musculação.

 

Conclusão

glutamina

Então, agora você sabe tudo que deveria saber sobre a glutamina, para que serve e como inseri-la na sua alimentação diária.

Mas, lembre-se que nem sempre é necessária. Irá depender da sua rotina de treino e da sua alimentação.

Portanto, se você está realizando um treino intenso, pode ser um bom aliado ao seu desenvolvimento muscular.

Além disso, trás benefícios para o resto do seu corpo, como para o cérebro e o sistema imunológico.

E ai, gostou desse artigo? Deixe aqui o seu comentário.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *