Este site usa cookies e tecnologias afins que nos ajudam a oferecer uma melhor experiência. Ao clicar no botão "Aceitar" ou continuar sua navegação você concorda com o uso de cookies.

Aceitar

VIDA SAUDÁVEL

7 Motivos Para Diminuir A Bebida Alcoólica

7 Motivos Para Diminuir A Bebida Alcoólica

Sabemos que a ingestão de bebida alcoólica em excesso pode afetar muitos dos nossos órgãos. Até mesmo retardar nossos sentidos. Mas, você sabia que o álcool pode influenciar também no seu ganho de gordura corporal? Além de prejudicar a pele? Nesse artigo descubra como diminuir a bebida alcoólica.

Nos finais de semana e feriados é comum ver pessoas ingerindo bebidas alcoólicas. Essa atitude tende a comprometer o seu corpo de maneira geral.

Bebida Alcoólica

Bebida AlcóolicaAs bebidas alcoólicas tendem a ser uma mistura de componentes mais o etanol. Variando de acordo com cada tipo de bebida. O etanol, em contato com o nosso corpo gera diversas reações. Logo, ao entrar em contato com a boca, parte do composto é absorvido e entra na corrente sanguínea. Ao entrar em contato com o estomago, apenas 25% do álcool foi absorvido e circula na corrente sanguínea.

Mas, ao entrar no intestino delgado o etanol é totalmente absorvido pelo corpo. A partir disso, começa a circular por completo na corrente sanguínea. Ao cair no sangue, o composto é transportado para os demais órgãos.

Em especial, aqueles cujos tecidos tenha alta concentração de água. Como é o caso do cérebro, dos rins, do fígado e do coração.

Agora que você já sabe como o álcool atua no organismo, vamos ver alguns motivos do porquê diminuir a bebida alcoólica:

Perda De Peso

Como muitos já devem ter escutado a bebida alcoólica prejudica a perda de peso. Não só pela quantidade de calorias que ela tem.

As bebidas alcoólicas estimulam em nosso organismo a sustância conhecida como cortisol.

Além de prejudicar o crescimento, o cortisol retém gorduras. Por isso, é bastante comum se observar que pessoas que bebem têm uma cintura um pouco mais larga.

Aliás, a gordura parece estar localizada naquela região.

Ademais, são raras as pessoas que ao beberem não consumirem petiscos gordurosos, e bem calóricos.

Então, se você pretende emagrecer, ou manter o peso, evite a ingestão ou diminua a bebida alcoólica.

Câncer

De acordo com um estudo realizado em terras britânicas, a ingestão de álcool em qualquer quantidade é prejudicial. A pesquisa aponta que a bebida alcoólica acarreta modificações permanentes e irreversíveis no DNA.

Essas modificações facilitam o aparecimento de variados tipos de câncer. A pesquisa foi publicada pela revista científica Nature.

Gastos

Do ponto de vista financeiro, diminuir a bebida alcoólica ou até mesmo acabar de vez com ela é a melhor pedida. As bebidas costumam ter um valor mais elevado e não costumam ser consumidas sozinhas.

Há pessoas que preferem gastar com frequência em bebidas, deixando de lado investimentos, e reservas de dinheiro.

Contudo, de acordo com uma pesquisa feita pela Deutsche Bank, o brasileiro consome em média seis litros de cerveja por mês.

Ademais, a renda investida na bebida alcoólica ultrapassa 14% de um salario mínimo.

Esta porcentagem corresponde a aproximadamente 140 reais por mês. O que poderia representar 2 meses em uma boa academia.

Doenças

Além de tudo isso, a ingestão de bebidas alcoólicas acarreta diversos prejuízos ao corpo, e com isso, diversas doenças.

Como por exemplo, cirrose, pancreatite, hepatite alcoólica, neuropatia periférica, doenças gastrointestinais, problemas nos ossos, distúrbios de sono, deficiências imunológicas, anemia, enfermidades cardíacas e vasculares e até mesmo demência.

Além disso, pode levar a dependência química, que leva a distúrbios mais profundos, como os distúrbios psicológicos.

A dependência gera diversos problemas para a vida do ser humano. Começa afetando as relações pessoais e financeiras.

Até que começa a afetar as projeções e perspectivas da pessoa, afetando seu emocional.

A dependência demanda do individuo uma quantidade cada vez maior de álcool no sangue, para que a sensação de prazer inicial permaneça.

Contudo, a saúde do individuo fica em segundo plano, e prejudica o funcionamento do organismo.

Melhora A Pele

Para quem almeja uma pele bonita e firme, o álcool deve ser evitado ao máximo. Tendo em vista que o álcool desidrata a pele. Ao desidratar a pele as camadas de água se perdem, o que acarreta a pele um aspecto velho e cansado.

Aliás, as bebidas alcoólicas ainda reduzem a quantidade de vitaminas no corpo.

Logo, prejudica a regeneração celular. Sendo assim, se você deseja uma pela jovem e bonita é muito importante ficar longe do álcool. Ademais, para os praticantes de atividades físicas, essa desidratação da pele é ainda mais prejudicial. Visto que por estar mais seca a pele costuma fazer fissuras, chamadas de estrias. Com o aumento do músculo e a falta de elasticidade da pele desidratada, o aparecimento de estrias é muito comum.

Além disso, é possível ter um cabelo mais bonito e saudável diminuindo a bebida alcoólica, visto que o álcool prejudica a circulação e distribuição de nutrientes. Os fios necessitam de muitos nutrientes, caso contrário, terão um aspecto de secos e quebradiços.

Certamente, pessoas que consomem grandes quantidades de álcool acabam desenvolvendo esses problemas.

Atividade Cerebral

Como vimos, o álcool prejudica diversas partes do nosso corpo, e com o sistema nervoso não seria diferente. Em alguns casos graves, a presença de bebidas alcoólicas no sangue pode acarretar demência.

Isso ocorre porque o organismo se encontra debilitado de vitaminas essenciais, o que acarreta diversos efeitos.

Ademais, o álcool costuma ser um potencializado de atitudes negativas. É comum após alguns drinks a pessoa mudar completamente seu jeito de ser e agir.

Atitudes violentas, ou irresponsáveis acarretam problemas não só para aqueles que consomem a bebida. Como também para todos aqueles que o cercam, direta ou indiretamente.

Conclusão – Diminuir a Bebida Alcoólica

Conclusão- Diminuir a Bebida AlcóolicaO excesso de bebidas alcoólicas e o aumento de peso estão estritamente conectados. O sobrepeso advém do tempo de processamento do organismo e a quantidade de substancias alcoólicas consumidas. Ademais, o prejuízo à saúde é de longo prazo.

Contudo, evitar ingerir álcool, ou pelo menos evitar o excesso do mesmo, pode ajudar a controlar suas despesas e ainda evita uma serie de doenças.

Aliás, outro ponto importante é o de procurar ajuda médica, para conseguir melhores resultados no combate aos malefícios do álcool.

Você conhece algum amigo que precisa ou gostaria muito de ler este conteúdo? Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais e deixe seu comentário!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado.