Tudo o que Você Precisa Saber Sobre Componentes Nutricionais

Componentes Nutricionais

Os componentes nutricionais de cada alimento são aquilo que faz com que eles valham a pena. Sem tais componentes, a ingestão dos alimentos se faz somente por prazer em decorrência do sabor dos mesmos. Sem eles, a real aplicação dos alimentos se perde nos seres humanos. Então, é óbvio que o quanto mais você estudar sobre os componentes nutricionais, mais você terá uma alimentação balanceada e equilibrada, embora muitos não saibam o que isso significa. Aqui, nós iremos dizer tudo o que você quer saber sobre eles e tudo o que deve ser conhecido para todos nós termos uma vida mais saudável.

Conhecendo Os Componentes Nutricionais

Bem, eles são conhecidos de todos. Cada pessoa que estiver lendo isso já ouviu falar neles pelo menos uma vez na vida. E, para começar, nós vamos falar sobre as proteínas, que são essenciais para uma vida bem vivida.

E por que ela é tão importante? Porque em suas funções estão nada mais nada menos do que construir e manter os tecidos do nosso corpo, formar enzimas, hormônios e anticorpos e fornecer energia. Sem falar que elas fazem parte dos componentes estruturais de uma célula.

Já os carboidratos trabalham intensamente no fornecimento de energia. O nosso cérebro, para vocês perceberem a seriedade, precisa muito de glicose para trabalhar. E glicose, carboidratos, açúcares e todos os grupos de glicerídeos, básicos ou complexos, são praticamente sinônimos. Praticamente.

E, para fechar aqui, temos os lipídeos. E se você está com dúvida em relação a estes nomes, é só dar mais atenção aos prefixos. Lipídeos vêm de lipo, ou seja, gorduras. E dentro deste campo nós temos dois tipos de gorduras, as boas e as más. As boas são as insaturadas e as más são as saturadas e as trans. As duas servem para fornecer energia.

O Que É Uma Boa Refeição Equilibrada

Muitos acham que se alimentar bem é comer de tudo e comer numa quantidade considerável. Quantos não já ouviram dizer que tal criança era “boa de boca”, pois ela comia bastante? Então, essas pessoas estão geralmente erradas.

Outras acham que comer algo equilibrado é comer de tudo um pouco, mas sem atentar para os componentes nutricionais. Como vocês podem ver, a alimentação está cercada de mitos e fatos que passam despercebidos a grande maioria das pessoas.

E é por isso que todos devem saber o que é ter uma refeição equilibrada. Uma pessoa que está em forma, não precisa de dieta e quer estar saudável deve atentar para a seguinte representação porcentual do equilíbrio saudável dos alimentos:

  • 50 a 60% de carboidratos
  • 20 a 30% de lipídeos
  • 15 a 20% de proteínas

Componentes Nutricionais

Porém, isso pode ser alterado. Há pessoas, que em busca de regular o seu organismo, precisam partir para posturas mais radicais. Como a erradicação gradual dos carboidratos em sua dieta, focando-se inteiramente na ingestão de proteínas e uma pequena porcentagem de lipídeos.

Isso acontece porque a ingestão de carboidratos já foi tão pesada que se faz necessária a sua falta durante um bom tempo para o seu organismo ficar mais limpo.

Os Efeitos Dos Componentes Nutricionais Em Equilíbrio No Meu Corpo

Os efeitos são tudo o que você precisa. Então, experimente deixar de lado alimentos que supervalorizam algum componente que provavelmente vai trazer problemas se consumido em excesso, como o carboidrato e o lipídeo. Se formos atentar para os fatos, os carboidratos trabalham unicamente para gerar energia, e quando uma pessoa ingere muitos carboidratos, mas não gasta toda essa energia acumulada, alguma coisa vai dar errado.

Quando tudo acontece dentro dos conformes, você dorme melhor, você respira melhor, você se locomove melhor, faz tudo de uma forma muito mais prazerosa e tranquila. Na sua rotina, há algo que você faz com dificuldade? Pode ser resultado de um desequilíbrio dos seus componentes nutricionais.

Importância dos Hormônios na Absorção dos Nutrientes

Vejam bem, os nutrientes são os que nos mantém vivos. E você quer saber o porquê de eles serem tão importantes para o nosso corpo? É o seguinte: as suas células são feitas destes nutrientes que você encontra representado através da impressão dos valores nutricionais na embalagem do alimento.

Estes nutrientes são a matéria-prima para as nossas células. Logo, é de suma importância que consumamos estes nutrientes através dos processos de que chamamos de “recarregar as energias”. E qual a melhor forma de fazer, tirando aquelas horas de sono em ficamos todas as noites? Comendo. Sim, através da alimentação nós podemos nos manter nutridos e com todos os ingredientes da matéria-prima da célula.

Está bem. Pronto, agora que você sabe o que é necessário para se nutrir, podemos ir embora, certo? Não, não é necessária apenas a alimentação. O processo de nutrição do corpo vai mais além do que o consumo de tais itens junto com a nossa alimentação. A nutrição do nosso corpo passa principalmente pela absorção dos nutrientes.

Nada Acontece Sozinho

O nosso corpo é como uma máquina. Digamos que você liga um aparelho eletrônico na tomada. E então, este equipamento começa a receber uma energia diretamente da tomada que supostamente vai fazê-lo funcionar. Mas, você acha que esse caminho é único, direto, sem nenhuma parada? Não é bem assim. A energia vem e passa por um conversor que transforma tal alimentação em uma que seja compatível com o aparelho em questão. A mesma coisa acontece com o nosso corpo.

Não basta apenas nos alimentarmos, teremos que converter esses nutrientes que foram recebidos para uma forma que seja compatível com o processo de utilização do nosso organismo.

Então, o que acontece? Vários compostos químicos são liberados em lugares estratégicos do nosso corpo, de modo a degradar e quebrar a alimentação ingerida, retirando o material necessário para a sobrevivência do nosso corpo. Este é o processo de absorção dos nutrientes, o qual é extremamente valioso para o ser humano. E o papel dos hormônios nessa absorção, onde fica?

Os Hormônios

Os hormônios são liberados no nosso corpo através de diversas glândulas que respondem a apenas uma, central, que fica localizada no nosso cérebro, chamada de hipófise e centralizada no hipotálamo. A partir desta, todos os comandos são levados para as outras glândulas que liberam diferentes tipos de hormônios para diferentes finalidades do nosso corpo.

Por exemplo, os testículos no homem produzem um tipo de hormônio muito importante para a formação das características masculinas. São os hormônios andrógenos, sendo um deles a testosterona, um hormônio bastante conhecido por aí, certo?

Então, o pâncreas, que é uma das glândulas mais importantes do nosso corpo produz alguns tipos de hormônios que são essenciais em nossa alimentação. Com certeza você já ouviu falar da insulina, por exemplo? Então, são hormônios como estes que trabalham com a alimentação que foi ingerida, se lembra dela? Ela que é a principal forma de nutrir o nosso corpo. Então, para fazer com que a comida seja “quebrada” e os nutrientes seja retirados, os hormônios entram em ação para fazer com que o corpo receba os seus nutrientes no estado mais compatível possível.

As glândulas supra renais são outras que ajudam neste processo de absorção e utilização de nutrientes, pois através do cortisol, hormônio liberado por esta glândula, o nosso corpo é direcionado a fazer o melhor uso deste nutriente que foi ingerido.

Então, o que nós podemos concluir é que o nosso organismo é um grande sistema complexo, completo e fantástico. Quanto mais você aprende sobre o corpo humano, mais lhe vem a consciência do quanto o corpo humano é tão cheio de detalhes sofisticados. Neste artigo deu para aprender muita coisa, não é?! Se você leu com atenção, não esquecerá nunca! Leve para sua vida, e não esqueça que tudo aqui é para o seu bem, portanto mude sua rotina já! 

 

 

Componentes Nutricionais

 

 

Share This